27 de setembro de 2016

O segredo do meu marido - Liane Moriarty


Imagine que seu marido tenha lhe escrito uma carta para ser aberta apenas depois que ele morresse. Imagine também que essa carta revela o pior e o mais profundo segredo dele - algo com o potencial de destruir não apenas a vida que vocês construíram juntos, mas também a de outras pessoas. Imagine, então, que você esbarra nessa carta enquanto seu marido ainda está bem vivo...
Cecilia Fitzpatrick tem tudo. É bem-sucedida no trabalho, um pilar de sua pequena comunidade, uma esposa e mãe devotada. Sua vida é tão organizada e imaculada quanto sua casa. Mas uma carta vai mudar tudo, e não apenas para ela: Rachel e Tess mal conhecem Cecilia - ou uma à outra -, mas também estão prestes a sentir as repercussões do segredo do marido dela.
Emocionante, O segredo do meu marido é um livro que nos convida a refletir até onde conhecemos nossos companheiros - e, em última instância, a nós mesmos.

RESENHA:
27/09/2016

Já tinha lido - Pequenas Grandes Mentiras - da autora e como gostei muito, já tinha separado esse pra ler.
Essa estória também é muito boa e apesar de ter algumas semelhanças com o outro livro dela, não desanimei com o enredo.
Esse livro também conta a estória de 3 mulheres diferentes, alternando os capítulos entre uma e outra. Cada uma com seus problemas e que em um certo momento da estória seus caminhos irão se cruzar.

Cecília é uma dona de casa que trabalha como revendedora da Tupperware (acho que o livro foi patrocinado, de tanto que fala-se da marca) e tem um uma vida muito confortável com seu marido e suas três lindas filhas.
Um dia Cecília encontra uma carta do marido mas só poderá abrir depois de sua morte. Após muitas suposições e a imaginação à mil ela decide abrir, mesmo tendo prometido à ele que não faria e essa revelação põe em risco seu casamento e toda a estrutura familiar.
Rachel é uma senhora de meia idade, viúva, que ainda não se conforma com a morte trágica de sua filha. E por fim, Tess, que também tem que enfrentar uma situação difícil no seu casamento que até então era aparentemente perfeito.

O ponto principal do livro é o segredo do marido que não demorei muito para descobrir do que se tratava e então o restante da leitura é sobre o dilema de Cecília, se ela conta ou não.
O sofrimento de Rachel foi um dos momentos mais difíceis da leitura. A agonia, a tortura e a saudade da sua filha e como isso modificou seu comportamento em relação às outras pessoas.
Eu gosto muito da escrita da Liane, mas achei que a autora quis encher linguiça com momentos em que os personagens estão pensando, tornando a leitura um pouco arrastada. Ela poderia ter encurtado o livro sem perder a essência dele.
O final do livro, como tudo será resolvido e o epílogo foram muito interessantes e tornaram a leitura ainda mais rápida.
Recomendo esse livro cheio de dramas, traições, romance e que mostra o cotidiano de mulheres comuns que precisam lidar com as rateiras que a vida dá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário