13 de agosto de 2014

Um Corpo na Biblioteca - Agatha Christie

Membros respeitáveis da comunidade de Saint Mary Mead, o Coronel Bantry e a mulher descobrem certa manhã, na biblioteca de casa, o corpo de uma jovem, morta por estrangulamento. A polícia é chamada, mas quem se dedica a descobrir a identidade da desconhecida e identificar o criminoso é a simpática vizinha dos Bantry, a solteirona Miss Marple. Detetive amadora com um faro apurado para mistérios, ela segue a pista do estrangulador, que depois de assassinar outra mulher, é atraído para uma armadilha ousada e extremamente arriscada.

RESENHA:
18/12/2013

Sinceramente não me prendeu a atenção.
Policiais e detetives fazendo as mesmas perguntas quase o livro todo para todo mundo, achei cansativo até pouco mais da metade. 
Miss Marple aparece pouco e quando aparece por mais tempo é pra resolver o assassinato. Gosto quando ela fica xeretando por tudo e fazendo um monte de perguntas que ninguém entende nada, mas que pra ela faz todo sentido.
O assassino(a) não me surpreendeu em nada, já o tinha imaginado como um dos suspeitos, não foi aquele final que me pegou de surpresa porque eu imaginava que seria exatamente aquilo. Foram poucas pistas, mas claras na minha opinião e olha que é difícil eu acertar.


Um comentário:

  1. Eu tou amando, pontos de vistas (felizmente) são tão divergentes, Jaque. Mas é a vida. Adoro seu blog. Bjs

    ResponderExcluir